POEMA DE NADA PARA CONTAR


Não tenho…
Nada para mostrar
Nem para contar ou escrever
Não tenho nada para dizer
Nem nada para acontecer
Não, não tenho o que quero
Nem tenho o que espero
Não faço, sou sincero…
A vontade ao desespero
Não tenho…
Nada de novo para ver
Nem consigo escrever
Não posso nem quero contar
O que me está a acontecer
Posso contar, mas não quero
Pode parecer severo
Mas não conto
Sou sincero…

Foto: pois é a famosa serie - Rui Soares (olhares.aeiou.pt)
Enviar um comentário