É Natal no meu jardim

Foto: Raul Cordeiro




Não…
Que ninguém se incomode com as pétalas
Que a flor permanece
Assim, hoje...
É Natal no meu jardim
Uma rosa nasce, floresce e morre
Às vezes sossegada no seu cantinho
E mesmo desfolhada
Fica o cheiro
No seu espinho
A rosa é flor assim
É Natal no meu jardim