Eram teus os meus olhos

Era do mar e da praia que falavam
Perto desse mar, os olhos verdes
Um mar que traz à praia
Aquilo que a olhar te perdes
Era em silêncio
Que os teus olhos eram poemas
Eram teus os meus olhos
Eram meus os teus problemas
Eram os teus olhos o oceano
Além do mar dos olhos
Eram beijos da madrugada
Ao som calmo de um piano
Enviar um comentário

Mensagens populares deste blogue

ESPERA MENINA, PELO BARULHO DOS GUIZOS

POEMA DE INDECISÃO

Natal