Curtas de Verão (IV): Sossego


Sonhar requer sossego
Mas tenho medo no estio
Entristeço e aborreço
Tanto calor, tanto vazio
Enviar um comentário

Mensagens populares deste blogue

ESPERA MENINA, PELO BARULHO DOS GUIZOS

POEMA DE INDECISÃO

Natal