O GIGANTE A NUVEM


Não sei se sabes que eu sei
Que és mais que planta e mar
Se sabes que as pedras escrevem versos
E as nuvens o inverso
Mas há diferenças no universo
Enquanto eu sei que tu sabes
Tu pensas que esqueço
Mas este poema é mais que nuvem ou pedra
Mais do que a cor ou dor
É apenas a teoria de quem sente
Quem imagina coisas loucas
E vê gigantes em coisas poucas
Foto: Pigmeu Gigante - Emerson Barbosa (olhares.aeiou.pt)

1 comentário

Mensagens populares deste blogue

ESPERA MENINA, PELO BARULHO DOS GUIZOS

POEMA DE INDECISÃO

Natal