Verdes são as setas que me secam o coração
E secos os campos que guardas
Escondidos na palma da mão
Frágil a balança com que pesas a vida
Ondulante o teu beijo de despedida
Amarelo o sorriso que deixas no ar
Azul o céu que deixas ao chegar
Curto o abraço que levas contigo
Branco o frio que deixas comigo


Foto: Praia de Cascais - Adriana Marta Vilão Rito (olhares.aeiou.pt)
Enviar um comentário