SIMPLESMENTE AMAR VOCÊ






O que alcanço da minha fresta de janela

Nem perguntas o quê?

Vem daí, sai dessa cela

Percebe e alcança
Esse cheirinho de África e canela
E entra comigo na dança
Se estou feliz assim
Só tu sabes porquê

Como diz na música do Jobim
É porque posso ser a consequência
De simplesmente amar você










Foto: Enigma - Graça Loureiro (olhares.aeiou.pt)

Enviar um comentário