DELÍRIOS CURTOS (III)



Leio, releio e interpreto
Tua ordem, teu decreto
Tuas escritas e mensagens
Tuas sombras nas imagens
Entre o livro do teu corpo e o meu
Quando um beijo se dilui no teu
Há uma imensidão de luar
Que se apaga ao acordar









Foto: Tentação... - Luís Gonzaga Batista (
olhares.aeiou.pt)
1 comentário

Mensagens populares deste blogue

ESPERA MENINA, PELO BARULHO DOS GUIZOS

POEMA DE INDECISÃO

Natal