AQUI, A TEU LADO


Vou estar por aqui

Nos lugares do costume

Ao teu lado jogando contigo

Conversas mansas do tempo que passa

No nosso porto e abrigo

Quando secam as palavras rego-as

Com um beijo molhado

E vejo-me escoar a teu lado

Caminhado nesse passo marcado

Sabes…

Nos bons e maus momentos

Vencerão os bons de certeza

E na planta que nascer

Um amor pura beleza

Foto: . - Nuno Estrela (olhares.aeiou.pt)

Enviar um comentário

Mensagens populares deste blogue

POEMA DE INDECISÃO

ESPERA MENINA, PELO BARULHO DOS GUIZOS

Natal