OS CAMINHOS DO VENTO



No infindo tempo
Encontro-me em ti
Como se fosses

O melhor do Mundo
Para mim
Encontro-me no teu olhar
Agarro-te sem hesitar
E juntos voamos à deriva
Pelos caminhos do vento
Sem olhar e sem pensar
O tempo dá-nos
Todo o tempo que tem
Para podermos sem hesitar
Amar sempre mais alguém


Foto: Um tempo - Hugo Tinoco (olhares.aeiou.pt)
Enviar um comentário

Mensagens populares deste blogue

POEMA DE INDECISÃO

ESPERA MENINA, PELO BARULHO DOS GUIZOS

Natal