PEÇO-TE


Não te sinto
Não te vejo
Não te olho
Não te beijo

Não te minto
Não te esqueço
Faz o mesmo por mim
É apenas o que te peço

Foto: s/título - Ana.Meireles (olhares.aeiou.pt)

Enviar um comentário

Mensagens populares deste blogue

POEMA DE INDECISÃO

ESPERA MENINA, PELO BARULHO DOS GUIZOS

Natal